Sou mulher, assim posso fritar peixe para meu marido, enquanto escrevo.

Sou mulher, assim posso fritar peixe para meu marido, enquanto escrevo.

Relembro minha mãe que sempre dizia "Não confio em mulher". Para ela e toda a humanidade foram os homens que sempre fizeram tudo.

Só gostaria de saber como "eles" fariam se tivessem que fritar peixe enquanto criavam, inventavam e descobriam coisas.

Postagens mais visitadas deste blog

POESIA: Minha mãe

Avaliação: O acontecimento da Greve Geral

Os sentidos da qualificação de mestrado